love me or leave me
Ask Submit Meus L&T Sex Love
Um amor nunca morre, ele apenas adormece esperando o momento certo de te lembrar que ele ainda ta ali, que ele ainda toma conta de você quando bem entender. ♥
+

Um belo dia você acorda e se dá conta que está cansado. Você se cansa da cidade, dos carros, das luzes. Você se cansa do lixo, das pessoas, do barulho. Se cansa de não saber para onde ir, se cansa de não ter para onde ir e precisar ir para algum lugar. Você se cansa de não ter razão, de não ter caminhos, de não ter opções, se cansa de ver sua vida igual a de todos os outros, se cansa de ser de um rebanho sem pastor. Você se cansa de chefes, deuses, impostos, moda, dinheiro. Você se cansa da sensação de estar desperdiçando seu tempo, você se cansa de não ter tempo algum para desperdiçar. Você se cansa de viver em um mundo onde quem não está desesperado, está louco. Você se desespera com medo de enlouquecer. Respira fundo, acende um cigarro. Você se cansa de não saber exatamente do que está cansado. Se cansa do “alguma coisa está errada” que paira sobre o ar desde uma época que você não se lembra. Se cansa das avenidas, das ruas, das alamedas, das praças, do sol, dos postes, das placas de sinalização, das buzinas. Você se cansa de amores incompletos, de amores platônicos, de falta de amor, de excesso disso e daquilo. Se cansa do “apesar de”. Se cansa do rabo entre as pernas, da sensação de estar sendo prejudicado, se cansa do “a vida é assim mesmo”. Você se cansa de esperar, de rezar, de aguardar, de ter esperanças, cansa do frio na barriga, cansa da falta de sono. Você se cansa da hipocrisia, da falsidade, da ameaça constante, se cansa da estupidez, da apatia, da angústia, da insatisfação, da injustiça, do frenesi, da busca impossível e infinita de algo que não sabe o que é. Se cansa da sensação de não poder parar. E você não para, até que esteja morto.
PC Siqueira. (via cartasdepoeta)



Quero fazer de teu peito meu travesseiro, de teu corpo meu colchão e de teus olhos meu luar, de teu quarto meu paraíso íntimo e de todas as noites como se fosse a última.
Je T’aime.  (via finais)

Amo de mais, penso mais, sinto de mais, quero mais, fico sozinho de mais
Thiago Guedes (via finais)

Só queria que você soubesse que eu me importo.
Projota.    (via finais)

Palavras erradas costumam machucar para o resto da vida, já o silêncio certo pode ser a resposta de muitas perguntas.
Padre Fábio de Melo (via refazendo-te)

Talvez eu continue meu caminho, chore, desabe nos cantos da cidade. Mas eu vou viver, vou ficar esperando que um dia numa tarde qualquer você volte, pelo menos pra dizer, “foi bom te conhecer”.
O Refúgio de Elizabeth Hill.  (via finais)


FUTURASUICIDA ©